A Traidora do Trono [Resenha do Livro]

Título no Brasil: A Traidora do Trono
Autor: Alwyn Hamilton
Gênero: Literatura fantástica, Mitologia árabe, Ficção juvenil
Editora: Seguinte
Ano da Edição: 2017

Sinopse: Amani Al’Hiza mal pôde acreditar quando finalmente conseguiu fugir de sua cidade natal, montada num cavalo mágico junto com Jin, um forasteiro misterioso. Depois de pouco tempo, porém, sua maior preocupação deixou de ser a própria liberdade: a garota descobriu ter muito mais poder do que imaginava e acabou se juntando à rebelião, que quer livrar o país inteiro do domínio do sultão. Em meio às perigosas batalhas ao lado dos rebeldes, Amani é traída quando menos espera e se vê prisioneira no palácio. Enquanto pensa em um jeito de escapar, ela começa a espionar o sultão. Mas quanto mais tempo passa ali, mais Amani questiona se o governante de fato é o vilão que todos acreditam.

Nota:



Eu não entendo como uma autora tem o poder de tirar meu coração do peito, amassa-lo e depois colocar de volta. Eu mal conhecia Alwyn Hamilton, e já considero muito essa mulher pelo poder de mostrar pra nós uma cultura completamente diferente da que estamos acostumados, e ainda atrelada a um mundo criativo de fantasia e aventuras. Lálálá de lado, vamos a mais uma resenha?


A Traidora do Trono é o 2º livro da trilogia A Rebelde do Deserto e sua narrativa começa 6 meses após os acontecimentos do primeiro livro.

Amani Al'Hiza, uma das líderes da rebelião, se vê prisioneira do sultão, inimigo de sua causa e o número 1 na hierarquia de seu povo. Tida em seu palácio como uma prisioneira "de luxo", a garota passa a ter acesso a realidade da corte, do harém e de todos os planos do sultão de controlar o continente e acabar com a rebelião, comandada por um de seus filhos. Lembrando que a rebelião é um movimento onde as pessoas cansadas da desigualdade social, entre sexos e financeira lutam pela queda do atual governo.

Nesse livro somos introduzidos mais profundamente as questões políticas do país onde a trama se desenvolve, fato esse que acredito ser essencial para o desenvolvimento da história. A mitologia árabe também é vista com mais detalhes nesse volume, pois vemos questões como herança, marcas passadas de pais para filhos, e ainda as lendas mágicas contadas milhares de anos atrás sendo vistas a olho nu nos tempos atuais.


Não poderia deixar de dar destaque mais uma vez aos personagens femininos que são mais trabalhados nesse segundo volume. Conhecemos mais de perto a história de Shazad, braço direito de Ahmed (líder da rebelião), que se torna melhor amiga e parceira nas batalhas com Amani. Vemos também o desenrolar da Shira, prima de Amani, também trazida para o harém, que supostamente engravida do sultim (o filho do sultão sucessor do trono), lhe promete um herdeiro e tem um papel fundamental para a rebelião.

Toda a trama tem uma narrativa brilhante, num ritmo que a história se desenvolve naturalmente. E o final? Ah... arranquei meus cabelos da cabeça umas 30x, pra só depois Alwyn acalmar meu coração. O livro possui pouco mais de 400 páginas, com papel offwhite, e um leve autorelevo na capa que eu achei lindo o tom de roxo combinado com o dourado.

Já estou com o 3º volume em mãos e pretendo ler em breve, pois tô bem curiosa pra ver como tudo isso vai acabar.

16 comentários:

  1. O livro nos lavra e livra. O verso, avasta e aviva.
    GK

    ResponderExcluir
  2. Oi, Thami!

    Ainda não li o primeiro volume, mas só vejo elogios à obra. Acho a capa extremamente linda, e a história também deve ser sensacional. Ótima resenha!

    xx Carol
    http://caverna-literaria.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Thami, é tao bom quando a gente encontra autores que conseguem mexer com a gente em suas histórias. Confesso que ter um pouco da cultura árabe é o que mais me chama atenção! Mas é bom saber que os personagens femininos são bem trabalhados!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Respondendo à sua pergunta.. Tudo bom, sim, e com você?
    Assim que vi que tu deu cinco estrelas para um livro com uma capa aparentemente infanto-juvenil, já fiquei ligado. Quando tu começou a elogiar a autora e tudo mais, já comecei a dar crédito.
    Parece um livro bem legal. Espero seguir os passos dessa autora com meu próximo romance, hahaha.
    Um beijo! Obrigado por me dar uma força lá no Rapeize, também ^^

    www.RapeizeDinamica.biz | @english.tips.br

    ResponderExcluir
  5. Oi Thami,

    Estou lendo esse livro nesse exato momento e meu coração está a mil. Imagino que o final será arrebatador, ainda bem que á estou com o terceiro para ler junto ♥
    Alwyn é maravilhosa em descrever essa cultura, fico encantada com tudo.
    Bjs e uma boa semana!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
  6. Já tinha visto algumas resenhas sobre esse livro e todos esbanjavam comentários positivos. Não tenho dúvida que é uma leitura marcante!

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, Thamiris

    Que bom que você também gostou desse volume. É uma capa mais linda que a outra e eu só fico babando!
    Que bom que as personagens femininas tiveram um destaque, acho isso muito importante.
    Espero que você goste bastante da leitura do terceiro!

    Beijos
    - Tami
    https://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  8. Adorei a resenha.
    Boa semana!

    Jovem Jornalista

    Fanpage

    Instagram

    Estamos de volta do hiatus!

    Até mais, Emerson Garcia

    ResponderExcluir
  9. nossa ja quero ler! adorei conhecer a temática do livro e pelo jeito que vc descreveu é mesmo incrível!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  10. Acho a capa desse livro tão linda, a história super me atrai e está na minha lista. Ainda não consegui ler mas espero que consiga em breve!

    www.vivendosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  11. Olá, Thamiris.
    Eu estou tentando comprar o ultimo volume dessa trilogia faz tempo, mas o preço não baixa nunca hehe. Ainda não li nenhum deles, estou esperando ter todos em mãos e espero gostar bastante da trilogia porque só vi elogios a eles.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  12. Oi Thamiris,
    Não sou muito habituada com o gênero.
    Mas essa série me deixa bem curiosa, principalmente por essa construção das personagens femininas, que sempre leio elogios.

    até mais,
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  13. Me apaixonei pela capa desse livro, muito linda. Fiquei com muita vontade de ler.
    Bjooos. ❤
    https://lewestinblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Gostei da sua postagem, sempre estou visitando seu blog e lendo suas postagens.. Seu blog está salvo em meus favoritos..

    Parabéns!

    Amo seu blog ❤..

    Visite Meu Blog www.tudosobreobadoo.com

    ResponderExcluir
  15. Caramba, eu já tinha ficado curiosa com o primeiro livro, agora sabendo que é uma trilogia, preciso logo conseguir todos eles! kkkk
    Bjks!

    Mundinho da Hanna

    ResponderExcluir

| Blog Misto Quente | Siga no Instagram | Curta no Facebook |